O difícil faz-se, ao impossível dá-se-lhe um jeito Google

Desemprego sem travão
Deveres e Direitos - Trabalho
02-06-2012


O ministro das Finanças
O ministro das Finanças
A taxa de desemprego estrutural mais do que duplicou em Portugal nos últimos 20 anos, segundo estimativas do Governo, anunciadas pelo ministro das Finanças, Vitor Gaspar. A revelação foi feita no dia em que o governante anunciou previsões mais pessimistas para a taxa de desemprego, esperando agora um agravamento da taxa para os 15,5 por cento este ano e para 16 por cento no próximo ano.

O ministro destacou que «de cerca de 5,5 por cento da população activa, em média, na década de 1990 o desemprego estrutural terá aumentado para cerca de 8,5 por cento, na última década».

O ministro acrescentou que, «nos anos recentes, esta tendência de aumento agravou-se para valores na ordem dos 11,5 por cento».

Assim, «de acordo com estas estimativas a taxa de desemprego estrutural mais que duplicou num período de 20 anos», concluiu Vitor Gaspar.

A taxa de desemprego estrutural é uma forma generalizada de desemprego que ocorre pelo desequilíbrio entre a oferta e a procura de competências de trabalho numa dada economia.

Após uma reunião com os parceiros sociais, o ministro reviu as previsões que o Governo enviou há menos de um mês para a Comissão Europeia no âmbito do Documento de Estratégia Orçamental (DEO), prevendo uma nova deterioração.




Artigos relacionados
 
 
 
 
PUBLICIDADE

SONDAGEM
O que pensa das medidas exigidas pelo FMI e a UE para Portugal ultrapassar a crise?

Penalizam mais a classe média
Penalizam mais a classe alta
Penalizam mais os mais desfavorecidos
Penalizam mais as empresas
Penalizam mais a banca
 
SIGA-NOS NO FACEBOOK!
MAIS LIDAS
PUBLICIDADE
PARCERIAS
BodyConcept
VISITAS
Copyright © 2009-2014 SexoForte.net | Cúmplices | Estatuto | Contacto | Última actualização: 27-08-2014 07:18h